25.1 C
Distrito Federal
domingo, 27 setembro, 2020 - 12:31 PM
No menu items!
- PUBLICIDADE -

Covid: Brasil tem maior número de casos e mortes já

Mais Lidas

Ouvidoria recebe, GDF Presente atende – Agência Brasília

No Riacho Fundo II, foram recolhidas 251 toneladas de entulho das ruas, estradas e áreas públicas| Foto: DivulgaçãoO...

09 SETEMBRO

09 SETEMBRO Fonte: Agência Brasília

11/09/2020

11/09/2020 Fonte: Agência Brasília

Os dados consolidados da semana entre os dias 19 e 25/07, que foram divulgados nesta segunda-feira (27), mostram que o Brasil registrou recordes de infecções e casos fatais da covid-19 no período. Em sete dias foram confirmados 319.389 brasileiros infectados, cerca de 84 mil a mais do que na semana anterior e mais de 50 mil casos a mais do que a semana que havia registrado o maior número, na virada de junho para julho.

Pela sexta semana consecutiva, o número de mortes ficou acima de sete mil. Com o agravante de que, desta vez, foi superior a todos os registros feitos desde o início da pandemia. Foram 7.714 óbitos no período. O dado mais alto até então era de 7.266. 

Mortes por covid já superam em cem vezes a previsão de Bolsonaro

As informações estão na plataforma do Conselho Nacional dos Secretários de Saúde (Conass), que registra os números diários da pandemia no Brasil. Segundo o Conass, nesta segunda-feira (27) foram registrados 23.284 novos casos. O total de mortes confirmadas no mesmo período chegou a 614. Com esses números, o montante de brasileiros que pegaram o vírus chega a 2.442.375. Já os óbitos chegam a 87.618.

Sem plano e à deriva, Brasil pode se tornar o país com mais vítimas da covid

Em todo o mundo, o número de casos fatais da covid ultrapassou 650 mil nesta segunda-feira (27). O Brasil é o segundo com maior registro absoluto de pacientes que morreram após serem infectados. Está atrás apenas dos Estados Unidos, que contabiliza mais de 140 mil mortes. 

De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), os casos da doença em todo o mundo quase dobraram nas últimas seis semanas. Foram 8 milhões de novas confirmações somente nesse período. 

Coronavírus: o que pode acontecer aos brasileiros sem o isolamento social?

Em coletiva à imprensa nesta segunda-feira (27), o diretor-geral da OMS, Tedros Adhanom Gebreyesus, disse que as nações que não seguem medidas de isolamento social, testagem em massa e higienização rígida, terão crescimento de casos. Nas palavras dele é preciso “rastrear e colocar em quarentena” todos os pacientes, assim como quem teve contato com essas pessoas. 

“Mantenha distância de outras pessoas, limpe as mãos, evite áreas aglomeradas e lugares fechados e use uma máscara quando recomendado. Onde essas medidas são seguidas, os casos diminuem. Onde não são, os casos aumentam

O que é o novo coronavírus?

Trata-se de uma extensa família de vírus causadores de doenças tanto em animais como em humanos. De acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS), em humanos, os vários tipos de vírus podem provocar infecções respiratórias que vão de resfriados comuns, como a síndrome respiratório do Oriente Médio (MERS), a crises mais graves, como a Síndrome Respiratória Aguda severa (SRAS). O coronavírus descoberto mais recentemente causa a doença covid-19.

Verdades e mentiras sobre a covid-19: o que diz a ciência?

Como ajudar quem precisa?

A campanha “Vamos precisar de todo mundo” é uma ação de solidariedade articulada pela Frente Brasil Popular e pela Frente Povo Sem Medo. A plataforma foi criada para ajudar pessoas impactadas pela pandemia da covid-19. De acordo com os organizadores, o objetivo é dar visibilidade e fortalecer as iniciativas populares de cooperação.

 

Edição: Rodrigo Durão Coelho

Fonte: Agência Brasil

- PUBLICIDADE -

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- PUBLICIDADE -

Últimas Notícias

De olho na força da recuperação chinesa, gestores apostam em ciclo positivo para commodities

SÃO PAULO – Nas últimas semanas, a atenção dos investidores se voltou...

Ei, você com nível médio de ensino, veja as vagas de emprego – Agência Brasília

A semana começa com a oferta de 692 vagas de emprego abertas. A maioria delas é para profissionais com nível médio de escolaridade....
- PUBLICIDADE -

Continue Lendo

- PUBLICIDADE -