PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

GDF prorroga pagamento de IPTU para salões de beleza

Mais Lidas

DECRETO 1.605/2021 – COMPDEC

VER DOCUMENTO – DECRETO 1.605/2021 NOMEIA A COORDENADORIA MUNICIPAL DE PROTEÇÃO E DEFESA CIVIL (COMPDEC) INSTITUÍDA PELA LEI...
A medida vale para salões de cabeleireiros, manicure e pedicure | Fernando Frazão/ Agencia Brasil

A Secretaria de Economia (Seec) incluiu salões de beleza na prorrogação do Imposto sobre a Propriedade Predial e Territorial Urbana (IPTU) e da Taxa de Limpeza Pública (TLP) de 2021. Agora, os empresários do setor poderão pagar os impostos em 12 parcelas, a partir de dezembro deste ano, já que o setor também sofreu impacto financeiro com as medidas de isolamento.

A prorrogação já tinha sido aplicada para os setores de bares, restaurantes, lanchonetes, segmento de eventos, academias, hotéis e shopping centers, setores atingidos pela pandemia da covid-19. A portaria publicada no Diário Oficial do Distrito Federal (DODF) desta quinta-feira (8), assinada pelo secretário André Clemente, inclui salões de cabeleireiros, manicure e pedicure entre os beneficiados.

No Cadastro Fiscal do Distrito Federal constam mais de 15 mil estabelecimentos registrados como salões de beleza. Os valores de IPTU e TLP desse setor somam mais de R$ 15 milhões. Os vencimentos destes tributos estavam previstos originalmente para quatro parcelas, nos meses de maio, junho, julho e agosto. Com a prorrogação, os setores atingidos poderão parcelar entre dezembro deste ano e novembro de 2022.

*Com informações da Secretaria de Economia

Fonte: Agência Brasília

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Últimas Notícias

PUBLICIDADE

Continue Lendo

PUBLICIDADE