Brasília ganha espaço dedicado ao artesanato – Agência Brasília

0
15
Brasília ganha espaço dedicado ao artesanato – Agência Brasília
Brasília ganha espaço dedicado ao artesanato – Agência Brasília

Brasília, 01.11.2019//Inauguração da loja Artesanato de Brasília, da Setur DF, no Shopping Pátio Brasil.Foto Luís Tajes/Setur DFEspaço valoriza trabalho de 30 artesãos da cidade selecionados pela Secretaria de Turismo. Foto: Luís Tajes/Setur-DF

No Brasil, o artesanato movimenta R$ 50 bilhões por ano. Essa potência econômica tem ganhado cada vez mais espaço no Distrito Federal, com cerca de 11 mil artesãos cadastrados na região. Para impulsionar e divulgar o trabalho dos artistas brasilienses e fortalecer o setor – que é um dos eixos prioritários da Secretaria de Turismo do Distrito Federal, Brasília recebeu, na sexta-feira (1), a loja Artesanato de Brasília, localizada no Pátio Brasil. O espaço é totalmente dedicado às artes manuais e expõe o trabalho de 30 artesãos selecionados por meio de um chamamento público da Setur.

A secretária de Turismo, Vanessa Mendonça, inaugurou a 1ª loja – que fará parte da Rota do Artesanato, e ressaltou a importância do ponto de venda para a geração de renda e reconhecimento dos trabalhos dos artistas da capital. “Estou atenta ao artesanato da cidade desde o início da gestão do governador Ibaneis Rocha. Não estamos desenvolvendo um trabalho assistencial e, sim, um trabalho para fomentar a economia. Temos produtos belíssimos e a nossa arte é reconhecida. Por isso, estamos estruturando, qualificando e promovendo os artistas e o setor”, disse.

Trabalho manualJosi Medeiros falou em nome dos artesãos participantes do projeto. Para a artista, a loja valoriza o trabalho manual. “Além de criarem um espaço para a gente expor nosso trabalho e ajudar na questão financeira, é um reconhecimento e uma vitrine do que temos de melhor”, explicou.

Roberto Andrade, secretário executivo da Secretaria de Projetos Especiais do DF, disse que inciativas como o Artesanato de Brasília são fundamentais para fortalecer a cena da cidade. “Estamos verdadeiramente felizes e atuando juntos no desenvolvimento de Brasília”, complementou. Para Juliana Oliveira Rocha, gerente de Negócios do Sebrae, o setor precisa de projetos que façam a roda girar no setor do artesanato e, assim, levar o trabalho da capital para outros estados. “O Sebrae está à disposição de todos para fortalecer esse cenário”, afirmou.

Marco Antonio Huerta, conselheiro da Embaixada do México, expôs a visão dos estrangeiros e da importância de ter um espaço referencial para a venda de artesanato. “Sempre nos pediam indicações de onde comprar e acredito que esse espaço irá suprir a necessidade. Vamos divulgar para os nossos visitantes da América Latina”, finalizou.

Também compareceram à abertura do espaço: Bourgina Sêyba, representante da Embaixada do Mali; Dona Montandon, coordenadora de Artesanato da Secretaria de Turismo; Herbert Amorim, presidente da Federação das Associações de Artesanato do DF e Entorno.

Brasília, 01.11.2019//Inauguração da loja Artesanato de Brasília, da Setur DF, no Shopping Pátio Brasil.Foto Luís Tajes/Setur DFProdutos exibidos no espaço valorizam os  trabalhos manuais. Foto Luís Tajes/Setur-DF

Carteira profissionalPor meio da carteira profissional, os artesãos podem pleitear espaço para expor seus produtos em eventos promovidos pela Setur e pelo Programa de Artesanato Brasileiro (PAB). Desde o início deste ano, a secretaria tem trabalhado junto aos organizadores desses eventos no sentido de garantir espaço para que profissionais do DF comercializem seu trabalho. A iniciativa já apresenta resultados. Em 29 eventos locais e nacionais, 402 artesãos movimentaram quase R$ 500 mil.

Editais de chamamentoOs editais de chamamento são publicados no site da Secretaria de Turismo na aba “Artesanato”. Os profissionais que se interessarem em expor seus produtos devem possuir a carteira do artesão válida. O documento é emitido pela Secretaria de Turismo e o agendamento para a renovação ou a emissão de uma nova carteirinha pode ser feita no link: http://www.turismo.df.gov.br/cadastramento-e-recadastramento-de-artesao-e-trabalhador-manual/

*Com informações da Secretaria de Turismo