PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Hospital de Campanha do Gama comemora 200ª alta da unidade

Mais Lidas

Turma das creches recebe a dose neste fim de semana

Pela primeira vez desde o início do Plano de Vacinação da Educação, haverá postos funcionando no fim de...

Festa e internet grátis na reinauguração da Feira da Candangolândia

A Feira Permanente da Candangolândia foi reinaugurada neste sábado (12) com a presença do governador Ibaneis Rocha e...

Com balões e alegria, o agora ex-paciente Edson Marques, 40 anos, celebrou a vitória contra a covid-19 ao receber alta do Hospital de Campanha do Gama. Edson é morador de Samambaia e foi o ducentésimo paciente a despedir-se da equipe multiprofissional da unidade.

Internação no Gama durou dez dias. Edson passou anteriormente pelo Hospital Regional de Samambaia (HRSam), onde ficou seis dias internado. Ele contraiu o coronavírus enquanto cuidava da mãe, que também teve covid-19 | Foto: Divulgação

Seu irmão Jonas Marques aguardava ansiosamente a saída dele da unidade hospitalar. “Ele elogiou muito a atuação das enfermeiras, do acompanhamento psicológico e dos médicos. Disse que teve longas conversas com a equipe médica e foi muito bem tratado”, afirma.

Seguindo o tratamento com cuidado e assistência da equipe, Edson agora faz parte dos 395.333 pacientes que venceram a covid-19 no DF.

A internação no Gama durou dez dias. No entanto, ele passou anteriormente pelo Hospital Regional de Samambaia (HRSam), onde ficou seis dias internado. Segundo a equipe que cuidou do paciente, Edson contraiu o coronavírus enquanto cuidava da mãe, que também teve covid-19.

Três dias após o início dos sintomas da mãe, ele a levou para a UPA de Samambaia, onde ela testou positivo para covid-19. Edson também foi testado, uma vez que apresentava leves dores de cabeça, e seu diagnóstico também foi confirmado.

A mãe precisou ser transferida para o Hospital Regional da Asa Norte (Hran) e ficou internada por dez dias. Neste meio tempo, Edson estava confiante de que não sentiria maiores complicações, por ser jovem. No dia 28 de maio, no entanto, começou a sentir-se mal, com diarreia e ânsia de vômito, além de fortes dores de cabeça.

Seguindo o tratamento com todo cuidado e assistência da equipe multiprofissional, Edson agora faz parte dos 395.333 pacientes que venceram a covid-19 no Distrito Federal.

*Com informações da Secretaria de Saúde

Fonte: Agência Brasília

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Últimas Notícias

PUBLICIDADE

Continue Lendo

PUBLICIDADE