forex basket trading system fluxograma opções binárias opções binárias capa youtube baixar pdf opções binárias como operador trade em otc ganhar dinheiro na olymp trade sem investir dinheiro livro opções binárias download news trading forex course forex trading demo software como retirar o capital investido na vik trader corretora xm opções binarias liq assistente de operações trade como funciona detalhadamente cada operação de trade taticas para investir na opcao binaria como operar no meta trader 4 payout de 65 vale a pena opções binárias Política de Investimento corretoras de opções binárias impossível de ganhar
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Sai a seleção de oito conselheiros de Segurança Pública

Mais Lidas

Desenvolvimento social quer ouvir a população e os servidores

A população do Distrito Federal vai contribuir para a elaboração do Planejamento Estratégico 2021-2023 da Secretaria de Desenvolvimento...

Procura por vacinação de 50 a 59 anos é a maior até agora

O Governo do Distrito Federal (GDF), por meio da Secretaria de Saúde, registrou esta semana a maior procura...

Conplan aprova criação de lotes no Eixo Monumental

O Conselho de Planejamento Territorial e Urbano do Distrito Federal (Conplan) aprovou, nesta quinta-feira (17), o Projeto de...

O resultado final do processo seletivo para a composição do Conselho Distrital de Segurança Pública (Condisp) foi divulgado nesta segunda-feira (3). A lista completa pode ser conferida na edição do Diário Oficial do Distrito Federal (DODF). A posse dos oito escolhidos ocorrerá na próxima reunião ordinária do Conselho, em 28 de maio.

Entidades de classe – como sindicatos e associações – das forças de segurança pública do DF e órgãos vinculados, bem como entidades ou organizações da sociedade civil, núcleos de estudo, grupos de pesquisa, universidades e conselhos comunitários puderam participar da seleção para os 14 cargos disponíveis.

 

O Condisp realiza estudos e ações para aumentar a eficiência da política distrital de segurança pública contra a violência e a criminalidade |Foto: Joel Rodrigues / Agência Brasília

“Por causa do objetivo de criação do Condisp, faz-se necessária a participação de todas essas entidades e da sociedade civil. Dessa forma, é possível a aplicação das políticas de forma ainda mais eficaz” Delegado Júlio Danilo, secretário de Segurança Pública

Um novo processo seletivo será aberto para escolha dos seis cargos que não foram ocupados. São eles: entidades de caráter associativo ou sindical representante dos praças da PMDF (uma vaga); entidades ou organizações da sociedade civil (duas vagas); núcleos de estudo e grupos de pesquisa (uma vaga); e conselhos comunitários (duas vagas).

“Todo o processo ocorreu de forma virtual, por conta dos cuidados necessários para minimizarmos os riscos de contaminação devido à pandemia. Mas foi dada publicidade em todas as fases, mostrando, assim, a lisura do processo de escolha, de acordo com os critérios e regras estabelecidas e publicadas em portaria”, explica o secretário de Segurança Pública e presidente do Condisp, delegado Júlio Danilo.

O Condisp é o órgão responsável pela realização de estudos e ações com o objetivo de aumentar a eficiência na execução da política distrital de segurança pública e na prevenção e repressão da violência e criminalidade. Sendo que uma das finalidades do Conselho é propor diretrizes para políticas públicas de segurança pública e defesa social. “Por causa do objetivo de criação do Condisp, faz-se necessária a participação de todas essas entidades e da sociedade civil. Dessa forma, é possível a aplicação das políticas de forma ainda mais eficaz”, completa o secretário.

Resultado

A divulgação do resultado, inicialmente, ocorreria no dia 24 de março. Devido à extensão do prazo de inscrição, o resultado também teve a data modificada. “Foi necessário fazer esses ajustes, pois tivemos o período de inscrições estendido”, explica o secretário-executivo do Condisp e chefe de gabinete da SSP/DF, delegado Thiago Costa.

Confira os selecionados e suas respectivas instituições:

I – Representante dos oficiais da PMDF – Associação dos Oficiais da PMDF. Titular: Divino Rufino de Araújo. Suplente: Elisnei Antonio Dias;

II – Representante da carreira dos delegados da PCDF – Sindicato dos Delegados de Polícia do Distrito Federal. Titular: Ricardo Mendes Villafane Gomes. Suplente: Marco Antônio Farah de Mesquita;

III – Representante das demais carreiras da PCDF – Sindicato dos Policiais Civis do Distrito Federal. Titular: Alex de Oliveira Galvão. Suplente: Enoque Venâncio de Freitas;

IV – Representante dos oficiais do CBMDF – Associação dos Oficiais do CBMDF. Titular: Eugênio César Nogueira. Suplente: Waldir Alves da Assunção;

V – Representante dos praças do CBMDF – Clube dos Bombeiros do Distrito Federal. Titular: Jair Dias Francisco. Suplente: Felipe Augusto Dantas da Silva;

VI – Representantes dos agentes de trânsito do Detran/DF – Sindicato dos Servidores das Carreiras do Detran-DF.  Titular: Adjayme de Faria Melo. Suplente: Fábio Medeiros;

VII – Representantes dos agentes de atividades penitenciárias do Distrito Federal – Sindicato dos Policiais Penais do DF. Titular: Paulo Rogério da Silva. Suplente: Aldon Moreira de Sousa Junior;

VIII – Universidade: Universidade de Brasília – UnB. Titular: Cristina Maria Zacseski. Suplente: Analia Laura Soria Batista.

Sobre o Condisp

O Condisp é um dos integrantes estratégicos do Sistema Único de Segurança Pública (Susp). É de natureza consultiva, propositiva e de acompanhamento social sobre a Política de Segurança Pública do Distrito Federal, com a participação de órgãos públicos, entidades de classe e sociedade civil. As reuniões do Conselho são bimestrais. O calendário com as datas dos encontros já está definido.

Além disso, a instalação do Condisp, juntamente com a implementação da Política Distrital de Segurança Pública e o funcionamento do Fundo se Segurança Pública do DF, constituem contribuições do DF à necessidade de o Estado brasileiro fazer cumprir os Objetivos do Desenvolvimento Sustentável (ODS), iniciativa promovida pela Organização das Nações Unidas que consolida o conjunto de 17 objetivos e 169 metas acertadas entre 193 países após dois anos de discussão. Entraram  em vigor em 1º de janeiro de 2016. Especificamente a ODS 16 prevê o seguinte: 16. Paz, Justiça e Instituições Eficazes – Promover sociedades pacíficas e inclusivas para o desenvolvimento sustentável, proporcionar o acesso à Justiça para todos e construir instituições eficazes, responsáveis e inclusivas em todos os níveis.

*Com informações da Secretaria de Segurança Pública

Fonte: Agência Brasília

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Últimas Notícias

Desenvolvimento social quer ouvir a população e os servidores

A população do Distrito Federal vai contribuir para a elaboração do Planejamento Estratégico 2021-2023 da Secretaria de Desenvolvimento...
PUBLICIDADE

Continue Lendo

PUBLICIDADE