Operário (PR) vence Ponte Preta (SP) e respira na Série B

0

No Estádio Germano Krüger, na noite desta segunda-feira (14), Operário (PR) e Ponte Preta (SP) se enfrentaram na abertura da 29ª rodada da Série B. Encontro de duas equipes em posições parecidas na tabela de classificação e buscando recuperação.

O Operário (PR), sem vencer há quatro jogos e com apenas uma vitória nos últimos sete jogos, chegou na rodada em décimo terceiro com 35 pontos. A Ponte Preta vinha de duas derrotas seguidas, demissão do técnico Marcelo Oliveira e a nona posição na tabela com 40 pontos.

Entre os pressionados, quem se deu melhor foram os anfitriões. E logo no início do jogo. Aos cinco minutos, o meia Rafael Oller chutou da entrada da área, o goleiro Ygor, da Ponte, deu rebote e o atacante Ricardo Bueno não perdoou e abriu o placar para o Operário. 

Aos 17, a segunda boa chegada do Operário. Douglas Coutinho fez uma boa jogada, partindo da esquerda para o meio. Da entrada da área, ele bateu rasteiro, mas a bola não saiu tão forte assim. O goleiro Ygor tentou segurar e a bola passou por baixo dele. Para a sorte do jogador da Ponte, a bola seguiu apenas para escanteio.

Aos 49, os jogadores chegaram a reclamar a marcação de um possível pênalti que teria sido cometido pela zaga do Operário em cima do atacante Bruno Rodrigues. Mas a arbitragem não marcou nada.
Esse foi o resumo da primeira etapa, sem nenhuma chegada digna de registro da Ponte Preta.

No segundo tempo, aos 11 minutos, a equipe da Ponte Preta ficou com um atleta a menos. O zagueiro Ruan Renato é expulso depois de uma entrada forte no Rafael Oller. Só que foi a partir daí que a Macaca esteve mais perto do gol adversário. A primeira chance veio aos 29, quando Douglas Coutinho passou pela marcação e finalizou forçando o goleiro Ygor a trabalhar. Aos 35, outra oportunidade. Depois de uma boa cobrança de falta, quase que o zagueiro Reniê marcou contra. Aos 36, de novo a Ponte. O Operário saiu jogando mal, a Macaca tenta duas vezes e a zaga salva.

Aos 43, a chance final. Lazaroni cruzou na área, Apodi cabeceou, mas Ricardo Silva salvou aquele que seria o gol de empate da Ponte. Então, o jogo ficou nisso mesmo: Operário 1 a 0 na Ponte Preta.
Com o resultado, o Operário (PR) ficou em décimo segundo com 38 pontos. A Ponte Preta segue em nono com 40. Só que esse foi apenas o primeiro jogo da rodada, que só vai encerra-se na quinta-feira (17).

O Operário volta a jogar na sexta-feira (18) contra o Cuiabá na Arena Pantanal. A Ponte visita o Confiança no sábado (19) no Batistão.

Fonte: Agência Brasil

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui